- Atualizada em 10/10/2017 15:01

Projeto cria Parque Adroaldo Streck, no bairro Campo Novo

Vereador João Carlos Nedel na tribuna.
O vereador João Carlos Nedel (PP), autor do projeto(Foto: Leonardo Contursi/CMPA)

Está tramitando, na Câmara Municipal de Porto Alegre, o projeto de lei que denomina Parque Adroaldo Streck o logradouro conhecido como Parque 5.008, localizado no bairro Campo Novo, Zona Sul. A proposta foi apresentada pelo vereador João Carlos Nedel (PP), para homenagear Adroaldo Streck "por sua notória carreira como jornalista e político". Segundo o vereador, Streck "muito admirava e frequentava" o parque do Campo Novo, como informaram familiares do ex-deputado federal falecido em 11 de janeiro de 2017, aos 81 anos.

Adroaldo Marly Streck era natural de Cachoeira do Sul (RS), no Vale do Jacuí, cidade onde realizou seus estudos e iniciou sua carreira de comunicador na Rádio Cachoeira. Quando se mudou para Porto Alegre, em 1957, trabalhou na criação da Rádio Guaíba, sendo o primeiro locutor da emissora, conforme o projeto. Além de exercer a profissão de radialista, Streck cursou a Faculdade de Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs). Chegou a trabalhar como correspondente internacional na Alemanha, na rede Deutsche Welle. No Brasil, atuou na Rádio Pampa, na TV Guaíba e no jornal Correio do Povo.  

Na carreira política, Streck assumiu o mandato de deputado federal em 1963, pelo extinto partido Movimento Trabalhista Renovador (MTR). Também se elegeu deputado federal em 1987 pelo PDT. Já de 1995 a 1997, assumiu a presidência do PSDB gaúcho. No ano seguinte, ocupou os cargos de assessor da Secretaria de Comunicação de Governo da Presidência e de secretário de Assuntos Federativos da Presidência, durante a segunda gestão do presidente Fernando Henrique Cardoso. Em 2002, Streck presidiu a Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica (CGTEE), em Porto Alegre. O jornalista também assumiu cargo na Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs).

Texto de: Munique Freitas (estagiária de Jornalismo) 
Edição: Claudete Barcellos (reg. prof. 6481)